Rota 66 - Lembretes para quem está se preparando para por o pé na estrada

Nossos lembretes:

► Antes de entrar nas ruínas da Rota 66, conferir mapas, há trechos longos e longe dos recursos da atual rota 40, uma boa pedida é "encher" o tanque antes de pegar esses trechos, devido as distâncias.

► Os melhores períodos do ano para se tirar proveito do deserto americano, são;
Primavera e Outono, em que as temperaturas são mais amenas.

Ao contrário as baixas temperaturas do inverno e as de rachar (entre 45° e 49°) no Verão. Se você está na Europa as estações são as mesmas.

Mas as estações do ano são o inverso do Brasil, quando no hemisfério sul é Verão, no norte é Inverno e vive-versa.

Portanto, quando é Outono no Brasil, no hemisfério norte é Primavera e vice-versa.

► Os meses mais propensos à  chuvas  na California estão entre Outubro a Fevereiro, isto significa que pode haver neve nos pontos mais altos das estradas, mas se pegarem algum ponto de alagamento na estrada, apenas aguarde em lugar seguro, não tente atravessar, logo o alagamento se dissipará

► Las Vegas não está na Rota 66, mas vale conhecer o "glamour" dessa cidade, assim quem pensa em visita-la, precisa observar os mapas para inclui-la no roteiro, planeje pelo menos 2 a 3 dias e tomar o gostinho pela cidade.

► Para os mais "arrojados" o período favorável para conhecer o Canada é no verão (ameno), portanto inverno no Brasil. (fora desse período, irá se machucar e a mamãe não estará por perto)

► Evitem ao máximo trazer crianças. (as temperaturas do deserto são extremamente agressivas)

► O deserto da California é o mais temido devido as distâncias e a dificuldade em conseguir recursos. (Os recursos - quando há - estão na Interstadual 40)

► Nunca viaje sozinho, o apoio do grupo é fundamental - nunca dispense os serviços de um guia experiente.

► A ajuda de alguém no grupo que fale inglês "razoável" será meio caminho andado. (evite "enrolation e o embromation" o resultado será péssimo)

► Atenção com a comida mexicana que é rica em pimenta. (apesar de dizerem que não tem, sempre tem)

► Antes de decidir por conhecer a rota 66, neste blog dividimos a rota 66 por trechos, com imagens e informações por estados, que poderá ajudar numa eventual decisão.

► O trânsito americano é muito simples e seguro, nunca  ande colado, coloque distâncias entre veículos (inclusive as motos). Motociclistas, apenas evite costuras, ao ver o pedestre na rua tire o pé e a mão da aceleração, vá se preparando para parar, não contorne nem passe raspando ao pedestre, esta é uma infração que nenhum policial perdoa. (bom senso, cortesia e sempre um de cada vez)

• nos "stops" em cruzamentos "simplesmente pare", pare é pare, mesmo que não haja trânsito, pare, motociclista coloque o pé no chão (evidência de que parou), sair um lado de cada vez, o primeiro lado a chegar tem a preferência de saída e se ambos chegarem juntos o motorista da pista a direita sai primeiro. (bom senso, cortesia e sempre um de cada vez).

Se houver pedestre, ele tem a total preferência e respeito, PARE e o espere chegar ao outro lado da via, pois ele poderá querer voltar, essa é a regra, nunca constranja um pedestre!

Cuidado com crianças, alguns escolares com "skates ou bicicletas", eles te ignoram e entram na sua frente! (a única saída é parar e se já ir se acostumando com esse ritmo)!

• quando o semáforo vermelho estiver piscante, mesmo esquema, funciona como "stop", sempre sair um lado de cada vez, o primeiro motorista a chegar tem a preferência e se chegarem juntos o motorista da via da direita sai primeiro. (bom senso, cortesia e sempre um de cada vez).

• Motociclista - não ande amontoado - por seguranca, acostume-se a andar em dupla, um ligeiramente mais a frente, no minimo 1 a 3 segundos de diferença, e nos cruzamentos "stops", ou semáforo vermelho piscante, sair no máximo 2 por linha, desfrute do gosto em dirigir uma moto e em segurança. (Atenção - Policiais aparecem do nada e sem essa do "jeitinho, quebrar-galho, ou grana no meio dos documentos", depois não adianta chorar)

• quando há "guia" e o grupo está sob seu comando, qualquer acidente o guia será o responsável criminalmente em corte, portanto o bom senso é respeita-lo para que "o mesmo" não perca o emprego. Geralmente eles seguem regras de procedimentos da empresa e das seguradoras, então, locais, tempo de paradas, horas de saída e de chegada, velocidade, ou eventuais problemas sempre são reportados, ou seja sempre são conferidos pela empresa, por recursos, segurança e a satisfação do grupo. 

Ou, se preferir poderá desfrutar o conforto de viajar em carro com ar condicionado, a exemplo do casal italiano Sebastiano e Paola (video anexo), que apesar dos 48º. do deserto, concretizaram uma jornada sentimental de 5000 kms, entre os estados de Illinoys, Missouri, Kansas Oklahoma, Texas, New Mexico, Arizona e California.

Route-66 from Chicago to Santa Monica (parte-1)
Casal italiano Sebastiano e Paola.
 Route-66 from Chicago to Santa Monica (parte-2)
Casal italiano Sebastiano e Paola